segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Convocação do Movimento Independente da Segurança Pública em Juiz de Fora

Atenção Agentes Penitenciários de Juiz de Fora e região, compareçam no grande ato público e manifestação dos operadores de segurança pública em Juiz de Fora em prol da reposição das perdas inflacionárias, Agentes Penitenciários, Policiais Civis, Militares juntos no dia 26 de janeiro às 14hs em frente a Câmara Municipal.


SEM LUTA NÃO A CONQUISTA!

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

PRF e Polícia Civil apreendem 19 fuzis, 41 pistolas e cocaína com militar do exército na via Dutra



Agentes da Polícia Rodoviária Federal - PRF - e Policiais Civis da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos - DESARME - apreenderam 19 fuzis, 41 pistolas, munições, carregadores e 54 tabletes de pasta base pura na tarde desta quinta-feira, na divisa entre os Estados do Rio de Janeiro e São Paulo.

Essa apreensão histórica ocorreu durante abordagem ao veículo RENAULT / LOGAN, cor branca, ostentando as placas oficiais falsas PAC-3890 (Brasil) e com logotipos do Exército Brasileiro, que era conduzido pelo SARGENTO DO EXÉRCITO BRASILEIRO *RENATO BORGES MACIEL* de 40 anos, lotado em Foz do Iguaçu - PR.

RENATO BORGES MACIEL, que estava vestido com fardamento completo do Exército, tentou escapar da fiscalização dizendo que estaria a serviço e que iria pegar um Comandante do Exército.



Os agentes da Polícia Civil e da PRF não acreditaram nas alegações e realizaram uma vistoria minuciosa no veículo, encontrando:

17 FUZIS AR-15, calibre 5.56
2 FUZIS AK-47, calibre 7.62
41 PISTOLAS GLOCK, diversos calibres
82 carregadores de pistola
39 carregadores de fuzil
54 tabletes de pasta base de COCAÍNA
Grande quantidade de MUNIÇÕES.

Todo o material está avaliado em cerca de 3 milhões de reais.

A Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Civil tem realizado diversos trabalhos conjuntos reprimindo o tráfico de armas e munições para o Rio de Janeiro, produzindo expressivos resultados nos últimos meses.

Ações conjuntas entre a DESARME e a PRF evitaram que milhares de munições e centenas de armas de fogo chegassem às mãos dos criminosos cariocas no último ano. Há menos de uma semana a DESARME e a PRF 10 mil munições foram apreendidas.

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Polícia Civil de Juiz de Fora, desvenda caso do desaparecimento do PM reformado e Advogado Barros

Imagem: DEH/PCMG

INFORME :

A POLÍCIA CIVIL DE JUIZ DE EM OPERAÇÃO CONJUNTA DEH E 1o , 2o DISTRITO POLICIAL , APUROU NESSA MANHÃ O CASO DO PM REFORMADO E ADVOGADO “BARROS” .
INFELIZMENTE, FAZEMOS SABER QUE O CAUSÍDICO FOI ASSASSINADO NO BAIRRO PARQUE DAS TORRES , OS AUTORES JÁ FORAM IDENTIFICADOS , SENDO UM DELES EM CUSTÓDIA COM A EQUIPE . A EQUIPE DO CORPO DE BOMBEIROS ESTÁ A CAMINHO , POIS SEGUNDO CONSTA CORPO FÔRA “DESOVADO” NO RIO QUE PASSA ATRÁS DA CASA DE UM DOS AUTORES.

DELEGACIA ESPECIALIZADA DE HOMICÍDIOS

1 a DEL DISTRITAL
2 a DEL DISTRITAL

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Primeiro criminoso da lista 'Procura-se' é preso em Uberaba

Imagem: procurase.seguranca.mg.gov.br

Conhecido como Leandrinho, além da suspeita de envolvimento com explosões de caixas eletrônicos, ele também era procurado pela prática de homicídio na região de Uberaba

 Um dos criminosos mais procurados de Minas Gerais e integrante do programa "Procura-se" foi preso em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Carlos Leandro de Faria, de 21 anos, foi detido no dia 20 de dezembro, e a prisão foi divulgada, nesta segunda-feira (15), por motivos estratégicos. Ele estava foragido acusado de praticar explosão a caixas eletrônicos e roubos a banco, foco do programa deste ano.
De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP), o criminoso chamou a atenção dos militares quando trafegava pelo Bairro Parque das Américas, em veículo clonado, junto com outros dois indivíduos, que também foram detidos.
Além do veículo clonado, cuja placa não coincidia com o chassi, foram apreendidos três celulares sem procedência e uma bucha de substância semelhante à maconha.
Conhecido como Leandrinho, além da suspeita de envolvimento com explosões de caixas eletrônicos, ele também era procurado pela prática de homicídio na região de Uberaba. O alvo ainda é suspeito em crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e receptação – todos na região do Triângulo.


Leia mais:
http://www.otempo.com.br/cidades/primeiro-criminoso-da-lista-procura-se-%C3%A9-preso-em-uberaba-1.1562876 

sábado, 13 de janeiro de 2018

Primeira reunião de 2018 do Movimento Independente

Lideranças das categorias da Segurança Pública

 Foi realizada neste sábado 13 de janeiro de 2018, na sede campestre da ADPM/JF, a primeira reunião de 2018 do movimento independente da Polícia Militar de Minas Gerais.
 Participaram da reunião os representantes do SINDPOL-MG, SINDASPMG, Movimento Renovação BH, ASSPRIJUF.
 Neste primeiro encontro foram traçadas metas para mobilizar os operadores de segurança pública do Estado, que já estão três anos sem reajuste salarial e recomposição das perdas inflacionárias.

 É de suma importância a mobilização e união de todos os servidores da segurança pública, pois se o Governo do Estado não se posicionar para um reajuste até o mês de abril de 2018, somente no próximo Governo que serão iniciada novas negociações.

 Ainda neste mês de janeiro, o Movimento Independente e as entidades representativas de classe como SINDASPMG e SINDPOL-MG, irão realizar um protesto em Juiz de Fora/MG.

Fonte: Blog dos Agentes Penitenciários de Juiz de Fora

PRF apreende cinco fuzis e quase uma tonelada de maconha após perseguicão


Policiais perseguiram o veículo por 48 quilômetros entre São Paulo e Rio de Janeiro

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu cinco fuzis e cerca de uma tonelada de maconha na Via Dutra após perseguição de 48 quilômetros entre São Paulo e Rio de Janeiro. Na noite desta quinta-feira (11), policiais rodoviários federais perseguiram um veículo suspeito desde o interior paulista até o Sul fluminense.


Os criminosos conseguiram fugir depois de abandonarem o carro com o material ilegal.

Veja a matéria no link:
http://bit.ly/2FtqGDl

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

ATENÇÃO MILITAR DA RESERVA E ADVOGADO DESAPARECIDO

Senhores, para conhecimento:

PESSOA DESAPARECIDA (SGT PM DA RESERVA - Juiz de Fora - MG)

A esposa do NR PM 035.669-1 - 1 SGT QPR PM CARLOS OLIVEIRA BARROS, informou o desaparecimento do seu esposo, dizendo que na data de 02/01/18, aproximadamente às 15hs, na cidade de Juiz de Fora, Bairro Bom Pastor, Carlos saiu de casa, informando que realizaria uma viagem a trabalho (Carlos é Policial Militar aposentado e atualmente trabalha como advogado). Quando questionado sobre o porquê de não se arrumar, Carlos respondeu que pegaria uma estrada de terra. Terezinha (esposa) acrescenta que não é costumeiro de Carlos realizar viagens e que nessas raras ocasiões, não passava mais de 3 a 4 dias fora de casa. Foi realizado por parte da solicitante e por parentes, tentativa de contato pelo numero da vítima, porém sem sucesso, caindo sempre na caixa postal.
Militar saiu de casa sem carro, apenas com a roupa do corpo ( calça jeans e camisa de seda amarela de mangas compridas). Dados disponíveis até momento.
REDS NR  2018-001193483-001


Respeitosamente.
Moreira, 1º Ten PM
Coordenador do Copom

Conversão de 13°salário em espécie para magistrados revoltam demais servidores de Minas

Após 14 anos da extinção da troca do benefício por espécie, Estado retorna gratificação apenas para magistrados



Mesmo diante da crise que assombra os cofres públicos de Minas, o governador Fernando Pimentel (PT) sancionou uma lei que retorna com a possibilidade de o servidor público vender suas férias-prêmio. Mas com um detalhe: a medida vale apenas para juízes e desembargadores do Estado. A medida gerou críticas do funcionalismo público e de especialistas especialmente devido ao momento, pouco após anúncio de que o 13º salário será pago integralmente apenas em abril.
Férias-prêmio é benefício concedido ao servidor que consiste na concessão de três meses extras de férias a cada cinco anos trabalhados. Até 2003, esses dias de descanso podiam ser trocados por pagamento - o conhecido "vender as férias". Pouco após assumir, o então governador Aécio Neves (PSDB) cortou benefícios dos servidores do Estado, incluindo essa possibilidade de trocar as férias-prêmio por dinheiro.

Na última quarta-feira (10), foi publicada a 
Lei Complementar nº 146 sancionada por Pimentel e oriunda do Projeto de Lei Complementar (PCL) 70/17 proposto pelo presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais em agosto de 2017. "Após cada período de cinco anos de efetivo exercício de serviço público, o magistrado terá direito a férias-prêmio de três meses, admitida a conversão em espécie, paga a título de indenização, quando da aposentadoria ou quando requerida para gozo e indeferida, por necessidade do serviço, limitada, neste caso, a dois períodos de trinta dias por ano”, diz trecho da lei.

Segundo o advogado especialista em Direito Público, Márcio Lúcio Quintão, a decisão veio em momento inoportuno, mas não apresenta inconstitucionalidade. “O governador pode se preparar porque essa medida vai abrir brecha para as outras categorias de servidores exigirem o mesmo benefício”, explica o especialista ao 
SouBH.
Na mesma linha, a coordenadora do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), Beatriz Cerqueira, coloca a medida como sendo no mínimo imoral diante do contexto do país e do Estado. 

“Sancionar uma lei retornando um direito de reverter o pagamento em espécie para apenas uma categoria, que inclusive recebe acima do teto, é uma contradição com aquilo que o Estado alega como crise financeira. Sabemos que os orçamentos dos três poderes são distintos, mas é necessário que todos tenham o espírito para enfrentar a crise”, detalha a também servidora estadual na área da educação.

13°

Em dezembro do ano passado, o 
governo informouque o pagamento do 13º salário dos servidores seria parcelado nos quatro primeiros meses de 2018, sempre no dia 19. Apenas os trabalhadores da área de saúde e segurança pública receberão o benefício em duas parcelas, ambas pagas em janeiro. “O Estado deixou de pagar o 13º para quem recebe salário mínimo, adiou o início do ano letivo para adiar também o pagamento com funcionários, transporte e alimentação escolar. São questões essenciais deixadas de lado”, analisa Cerqueira. 


Fonte: http://www.soubh.com.br/noticias/economia/pimentel-ferias-premio-magistrados/

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Apreensão de destaque 70°CIA 2°BPM

Imagem: Divulgação PMMG

 70 CIA em ação

10/01/2017

 MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO 
 TRÁFICO DE DROGAS
 PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO

Durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência de um dos principais alvos da 70 Cia PM, no que diz respeito ao tráfico de drogas na região do bairro Vila Alpina, foi logrado êxito na localização dos seguintes materiais e prisão dos autores:

🙎🏻‍♂ Washington Luiz de Freitas - vulgo UÓ;
🙎🏻‍♂Diego Ferreira da Silva;
🙎🏽‍♀Vanessa Ferreira de Souza;
🎯 01 Pistola Glock Austríaca 9mm (modo rajada);
🎯 01 carregador para pistola Glock;
🎯 15 munições intactas 9mm;
🎯 47 munições intactas de .40;
🎯 R $ 4.692,00 Reais;
🎯 02 balanças de precisão; 
🎯 10 papelotes de cocaína; 
🎯 5 pinos de cocaína; 
🎯 sacolés e pinos vazios diversos; 
🎯 754g de cocaína; 
🎯 321g de crack;
🎯 211g de maconha;
🎯 33 buchas de maconha; 
🎯 Ácido bórico.

*GEPAR 70* 

TEN SAGGIORO 
SGT JAIRO 
CB REZENDE 
CB GILBERSON 

 *TM 70* 

SGT GUELBER 
CB FABIANO
SD BRUNO

 *PPA 70* 

SGT ÉLITO 
CB CHAGAS
SD NOJOSA

 *SUPERVISÃO 70* 

TEN FREIRE
SGT ADRIANO

 *ROCCA* 

SGT AMARAL
SGT LUCIANO
CB AUGUSTO
CB JÚNIOR 
🐕 KIARA

Movidos pelo orgulho de servir e proteger Minas Gerais! 

Resp.

Reginaldo Teixeira de Souza, Cap PM, Comandante da 70 Cia do 2º BPM.



Suspeita de matar policial civil se apresenta e é presa

Imagem: Divulgação PCMG


A suspeita de matar o policial civil Antônio Geraldo Peters Netto, 57 anos, foi presa pela equipe da Delegacia Especializada de Homicídios na tarde desta terça-feira (9). A jovem, 23, ex-namorada da vítima, é apontada como a principal suspeita do crime, ocorrido em novembro do ano passado, no Bairro Vitorino Braga, na Zona Leste. Na ocasião, o agente foi baleado com três tiros que partiram da sua própria arma, uma pistola ponto 40.

Contra a suspeita, havia um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça desde o dia 18 de dezembro. A mulher se apresentou de forma espontânea na unidade policial, acompanhada do seu advogado, mas fez uso do seu direito constitucional de permanecer calada. Depois de ser presa, ela passou por exames no IML, sendo encaminhada à Penitenciária Ariosvaldo Campos Pires, onde irá aguardar o julgamento.


LEIA MAIS:
http://tribunademinas.com.br/noticias/cidade/09-01-2018/suspeita-de-matar-policial-em-jf-se-apresenta-em-delegacia.html