segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Agentes penitenciários participaram da Operação Lei Seca em Rondonópolis

Agentes penitenciários participaram da  154ª Edição do "Programa Rondonópolis em Trânsito" com foco na Operação Lei Seca em Rondonópolis e a 11ª Edição deste ano, ocorrida no fim de semana, reuniu diversas entidades ligadas a segurança e apresentou bons números.

Conforme informação,  treze agentes penitenciários representaram a classe nessa operação.

O trabalho envolveu as forças de segurança (Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil, Corpo de Bombeiros, PM Ambiental, Politec, DETRAN, PRF, PF, Agentes Municipais de Trânsito, Samu, Gasp, Exército e SEJUDH) ficou concentrado na Avenida dos Estudantes ao lado do Parque de Exposições no Rodeio Top Team.

De acordo com os dados preliminares, foram realizados 150 testes de bafômetro,  23 Carteiras Nacional de Habilitação foram recolhidas, 2 veículos foram removidos e outras 3 pessoas foram presas, 347 pessoas abordadas, 108 veículos abordados e 23 CRLV recolhidos.

O objetivo da ação integrada é reduzir o número de óbitos e acidentes no trânsito associada à ingestão de bebidas alcoólicas.
Na oportunidade os agentes também combatem outros tipos de ilícitos como o tráfico de Drogas, posse e porte ilegal de arma de fogo, recuperar foragidos do sistema prisional e pessoas com mandado de prisão em aberto, exploração sexual infantil e outros tipos de delitos que porventura venham a ser identificado no local da Operação.

Rondonópolis é um município que possui o dobro da média nacional de óbitos no trânsito e um elevado número de ocorrências atendidas pelo Samu relacionados ao trânsito violento.
Várias medidas vem sendo adotadas desde 2011 buscando uma redução desses índices e a fiscalização tanto por meios eletrônicos como operações pontuais tem demonstrado uma redução significativa do número de óbitos e acidentes.

Para o presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso (SINDSPEN-MT), João Batista a inclusão da categoria nessas ações ressalta ainda mais a importância e reconhece que os nossos servidores fazem parte da segurança, merecendo serem lembrados na questão salarial assim como as outras categorias.

Fonte: SINDSPEN-MT

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

SINDASP-MG CONSEGUE LIMINAR QUE GARANTE PAGAMENTO NO 5°DIA ÚTIL E 13° SALÁRIO


quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Aniversariante do Dia!



O blog dos Agentes Penitenciários de Juiz de Fora, PARABENIZA o Dep. Federal Lincoln Portela, por mais um ano vida, desejamos muita saúde, paz e sucesso.

 DEPUTADO FEDERAL LINCOLN PORTELA
MAIOR APOIADOR DA PEC 308/04 POLÍCIA PENAL

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

FENASPEN se reúne com Ministro da Justiça.


A FENASPEN participou nesta terça-feira, 01/11, de uma reunião com o ministro da Justiça Alexandre Moraes. Neste encontro, os dirigentes da federação alertaram Moraes sobre os problemas crescentes do Sistema Penitenciário Nacional e a forte tendência de uma Greve da categoria em todo o país.

Os sindicalistas também cobraram do ministro a aprovação  da Proposta de Emenda à Constituição(PEC) 308/04, que garante a constitucionalização dos Serviços Penitenciários. A deputada federal Jozi Araújo(PTN-AP) também esteve presente na reunião ela é Procuradora-Geral da Câmara dos Deputados e manifestou apoio ao pleito dos trabalhadores.

Segundo os dirigentes da FENASPEN, o aval da parlamentar é fundamental para a aprovação da proposta: "É importantíssimo este apoio da deputada Jozi Araujo, sobretudo considerando que hoje ela é a Procuradora-Geral da Câmara.  Ela foi sensível ao perceber que a falta de uma padronização legal do sistema penitenciário em âmbito nacional vem em prejuízo a toda a segurança pública e a constitucionalização vem suprimir esta lacuna", disse Fernando Anunciação presidente da Fenaspen.

O Ministro da Justiça se comprometeu a levar este tema para a reunião que acontece na próxima terça-feira, 08/11, em São Paulo, onde estarão todos os Secretários ligados ao sistema prisional  do país. O Ministro pretende ouvir a opinião dos deles sobre a PEC 308/04.

Moraes entende que a Segurança Pública é um tripé e que os agentes penitenciários são parte das atividades fim do serviço, e portanto não há como fazer segurança pública e deixar os servidores de fora.

Portanto, na opinião da FENASPEN, já comunicou todos os sindicatos filiados que entrem em contatos com os  respectivos secretários informando sobre a importância da PEC para a regulamentação da função  .